Home / Habitação / Locação / Cartão Aluguel – CEF

Cartão Aluguel – CEF

Cartão Aluguel CaixaUm dos problemas que envolvem a locação de imóveis residenciais no Brasil é a garantia de pagamento. Problema para locatários – que prescindem da segurança no negócio – e para inquilinos, que podem não atender as exigências para a locação.

A Lei do Inquilinato estabelece que apenas seja exigida uma das garantias possíveis: caução, fiança ou seguro de fiança locatícia. O problema da primeira (caução) é dispor de bens ou dinheiro para “comprometer” no negócio – três vezes o valor do aluguel. Para a segunda opção (fiador), a dificuldade é encontrar alguém que atenda as exigências mínimas e que esteja disposto a se tornar fiador no negócio: acredite, não é uma tarefa fácil, especialmente para aqueles recém chegados em uma cidade. A terceira opção é mais impessoal e confortável, porém pode custar até 2 alugueis para cada ano de locação (depende da cobertura), e vale lembrar que esse seguro é para o proprietário, se você deixar de pagar o aluguel – se perder o emprego, por exemplo – o jurídico da seguradora vai “cair em cima” de você.

Neste contexto a Caixa Econômica Federal lançou o “Cartão Aluguel Caixa”: A CAIXA oferece uma grande vantagem para você, pessoa física, que precisa alugar um imóvel residencial e urbano. Com o Cartão Aluguel CAIXA você pode alugar um imóvel sem a necessidade de fiadores, seguros, ou depósitos antecipados. A Caixa garante o pagamento às imobiliárias credenciadas de acordo com o contrato firmado e você paga o valor na fatura mensal do cartão.

Aceito em imobiliárias credenciadas, o Cartão Aluguel CAIXA é uma solução na hora da locação, pode ser usado para realizar compras, saques e conta com as funcionalidades de um cartão de crédito Internacional.

Parece fácil, mas é bom ficar esperto: A PROTESTE Associação de Consumidores recomenda cautela aos consumidores antes de aderir ao cartão aluguel, lançado pela Caixa Econômica Federal, que nada mais é que um cartão de crédito. Apesar de ser uma opção ao inquilino para não precisar correr atrás de fiador, pesará no bolso, pois trata-se de um cartão de crédito que além da anuidade de R$ 96, tem taxa de manutenção de 6,67% ao mês, sem contar outros custos de manutenção da conta. Ao final de um ano, esse encargo será equivalente a 80% do valor de um aluguel mensal.

O cartão aluguel é oferecido nas bandeiras MasterCard e Visa e o cliente tem dois limites, sendo um exclusivamente para o aluguel e outro para o pagamento de compras em estabelecimentos comerciais. O contrato fechado com o banco e com a imobiliária pode variar de 2 a 12 meses, no máximo.

Se ficar inadimplente com a fatura do cartão, que passa a incluir o valor do aluguel, o cliente terá que pagar ainda juros, cuja taxa não sai por menos de 10% ao mês.

About forum_admin

Veja também

Investir em imóvel no exterior

Depois de tanto se ouvir sobre a bolha imobiliária no Brasil, muitos que pretendiam investir em …